Igreja Metodista Jardim Belvedere

Contribuições
Você adicionou a sua lista de contribuições. O que deseja fazer agora?
Adicionar Contribuições Pagar Contribuição
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Igreja Metodista Jardim Belvedere - Nós cremos na vida antes da morte!

Nós cremos na vida antes da morte!

João 10.10 Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.

Série: AS DOENÇAS DO CORPO DE CRISTO, Como curá-las?

“E veio ali uma mulher possessa de um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos; ANDAVA ELA ENCURVADA, sem de modo algum poder endireitar-se”. Lucas 13.10-13

Por PASTOR DOUGLAS MARINS dia em A Palavra

Série: AS DOENÇAS DO CORPO DE CRISTO, Como curá-las?
  • Compartilhe com seus amigos
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

AS DOENÇAS DO CORPO DE CRISTO, Como curá-las?

“E veio ali uma mulher possessa de um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos; ANDAVA ELA ENCURVADA, sem de modo algum poder endireitar-se”. Lucas 13.10-13

   No primeiro domingo de junho, iniciamos uma série de mensagens intitulada: “As Doenças do Corpo de Cristo, Como Curá-las?” Como base, estabelecemos a afirmação de Paulo na segunda carta aos Coríntios 12.27, quando ele diz: “Vós sois o Corpo de Cristo...”. Com uma pequena dose de autocrítica, tenho afirmado que, como Corpo de Cristo, a Igreja está doente, muito doente, mas disse também que nem tudo está perdido, afinal de contas, a nossa Cura já foi descoberta, na verdade Ela se revelou a 2mil anos, e o seu Nome é Jesus (Sl. 103.3).

   Nesse domingo, dando prosseguimento a série, falaremos de uma Mulher Encurvada que se encontrou com Jesus dentro de uma sinagoga num dia de sábado. Ela representa fielmente a Igreja nesse tempo, e os efeitos da sua doença podem ser vistos nas atitudes dos membros do Corpo de Cristo. Sobre a sua doença, o Doutor Lucas afirma que a mesma era causada por um espírito maligno, e já durava 18 anos. A causa era espiritual, assim, logo que ela se visse livre daquela entidade malígna, se veria livre também da enfermidade.

    Contudo, histórias como a dela podem nos induzir ao erro de pensar que tudo a nossa volta é coisa do demônio. Quantos casos como o dela têm na Bíblia? Não negamos a existência do diabo, longe disso, mas queremos livrar o Povo de Deus da tentação de colocar sobre ele toda culpa pelos nossos fracassos e pecados. Acreditar que tudo a nossa volta é demônio, impede o nosso arrependimento. Infelizmente, nem tudo é capeta, pois quase sempre é caráter. É mais fácil atribuir culpa ao diabo, pois demônio se expulsa, mas caráter você precisa tratar.

   Outro detalhe da doença, diz respeito a sua longevidade. Dezoito anos ali naquele corpo fazendo aquela mulher andar encurvada. Não era uma doença para a morte, mas era uma enfermidade que roubava suas possibilidades, seu potencial, sua alegria e distorcia sua visão de mundo. Os efeitos da doença já haviam sido incorporados à sua própria vida, digamos que ela já havia se acostumado a “viver” daquele jeito. Esse tem sido o nosso problema, aceitar uma “meia-vida” quando Cristo veio para nos dar Vida, e Vida em Abundância conforme Jo.10.10 (“NÓS CREMOS NA VIDA ANTES DA MORTE”). Estamos vivos, mas perdemos a alegria de servir, tudo tem que ser na base do empurrão. Não morremos ainda, mas não conseguimos desenvolver todo o nosso potencial, nos arrastamos ao invés de corrermos como a corça, e não olhamos para outro lugar senão para o nosso próprio umbigo.

   A Doença daquela mulher atende hoje pelo nome de ESPONDILITE ANQUILOSANTE, uma enfermidade cujo sintoma inclui a redução da flexibilidade na coluna. Essa flexibilidade reduzida eventualmente resulta em uma postura curvada para frente. Nos membros do Corpo de Cristo ela produz os seguintes Efeitos:

1) IMPOSSIBILIDADE DE OLHAR PARA CIMA E DESCOBRIR QUE O SOCORRO SENHOR VEM DO SENHOR;

2) INDISPONIBILIDADE DE OLHAR PARA O LADO E PERCEBER QUE EXISTE VIDA ALÉM DA MINHA E PROBLEMAS MAIORES QUE OS MEUS;

3) NEGATIVA DE OLHAR PARA A FRENTE E ENTENDER QUE EXISTEM ALVOS MAIORES ME ESPERANDO QUE PODEM FAZER A VIDA VALER À PENA.

   Quero concluir, te perguntando: O Que Tem Te Feito Encurvar? Demônios, uma Dívida, uma Fraqueza, um Problema Familiar, uma Enfermidade...  Seja o que for, Jesus está te chamando, e Ele pode e quer nos curar. Aleluia! Você escolhe como vai querer ficar.

   Do seu Pastor e Amigo,

   Douglas Marins.

  • Compartilhe com seus amigos
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Veja Também:

Artigos Relacionados

Olá, deixe seu comentário para Série: AS DOENÇAS DO CORPO DE CRISTO, Como curá-las?

Já temos 2 comentário(s). DEIXE O SEU :)
Cleber Ferreira

Cleber Ferreira

teste de comentários
★★★★★DIA 10.07.17 18h17RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Cleber Ferreira

Cleber Ferreira

resposta do teste

★★★★★DIA 10.07.17 18h19RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Enviando Comentário Fechar :/